Um americano deve 500.000$ a um casino mas se recusa pagar essa quantia!Iimagem para casino Downtown Grand de Nürsie (Online Casino Suomi)

Um jogador de casino da Califórnia bem conhecido das instituições de jogo de Las Vegas perdeu 500.000 dólares americanos jogando blackjack e pôquer pai gow, e tudo no espaço de apenas 17 horas. Este último tinha gasto todo o seu dinheiro no Downtown Grand Las Vegas. Só que o indivíduo não tem a intenção de pagar suas dívidas. Em vez disso, ele tem a intenção de cobrar do casino por este deixá-lo jogar quando estava bêbado! A história já de seguida…

Verdade ou má-fé, certo ou errado?

Mark Johnson, jogador da Califórnia deve 500.000 dólares americanos ao casino Downtown Grand Las Vegas. Na verdade, o jogador americano teria gasto esta quantia astronômica em apenas 17 horas nas mesas de blackjack e pôquer pai gow. Mas para assegurar sua defesa, Mark Johnson parece ter um argumento convincente: Quando ele estava bêbado a sério os funcionários do casino não terão feito nada para ele parar de jogar. Pior ainda: Eles o encorajaram a gastar ainda mais! O californiano acredita de fato que se aproveitaram do seu estado de embriaguez por uma noite «imagine um cara que está completamente bêbado na rua. Alguém pegou seu bolso e lhe rouba sua carteira. É isso que eu sinto no momento, então eu fui extorquido», ele se queixou aos microfones de dois canais locais.

«Eu perdi 500.000$, é verdade. Mas não é de dinheiro que eu estou falando, é de princípio e dignidade».

Quanto à direção do Downtown Grand Las Vegas, esta não tomou a iniciativa de comentar o seu envolvimento neste caso, pelo menos, inédito. De qualquer maneira, Mark Johnson acredita que não é um jogador ruim. «Eu perdi 500.000$, é verdade. Mas não é de dinheiro que eu estou falando, é de princípio e dignidade», continuou a afirmar este operador do negócio do automóvel, que conduz seu Mercedes avaliado em mais de 250.000$. Johnson afirma ter bebido uma vintena de copos no prazo de 17 horas. Ele já tinha consumido dez antes de ir ao casino. «Durante meu sono, eu só vomitava e tinha a boca cheia. Eu até poderia morrer sufocado». Certo. Obrigado pelos detalhes Sr. Johnson.

O casino poderá ser responsabilizado

O casino pode de fato ter uma responsabilidade no processo. De acordo com a lei dos EUA, um casino não tem o direito de deixar que um jogador prossiga suas apostas se ele se encontra muito bêbado. No entanto, uma questão mais do que interessante permanece: Será que Mark Johnson processava o casino se ele tivesse ganho? Provavelmente não. Portanto, podemos supor que o californiano apresentou uma ação judicial porque ele perdeu um montão de dinheiro. E um julgamento em boa e devida forma é a melhor maneira de recuperar essa grana.

Além disso, será difícil acreditar que um cinquentão que, aliás, é um empresário, não sabe ainda gerir o seu consumo de álcool em público. Se o casino se arrisca a perder sua licença, Mark Johnson vai provavelmente se fazer de bobo do que de qualquer outra coisa.